sexta-feira, 8 de maio de 2015

●• Amorteamo •●

 
Amorteamo foi uma minissérie brasileira produzida pela Rede Globo. Escrita por Cláudio Paiva, Guel Arraes e Newton Moreno, com roteiro de Claudia Gomes, Júlia Spadaccini e Newton Moreno, teve a direção Isabela Teixeira e direção geral de Flávia Lacerda. Estrelando Marina Ruy Barbosa, Letícia Sabatella, Daniel de Oliveira, Jackson Antunes, Johnny Massaro, Arianne Botelho, Guta Stresser e Aramis Trindade nos papéis principais. Exibida de 8 de maio a 5 de junho de 2015, em 5 capítulos.

●• SINOPSE •●

Dois triângulos amorosos permeiam a trama de Amorteamo, que acontece no início do século XX, em Recife. O primeiro formado por Aragão, a mulher Arlinda e o amante dela, Chico. O segundo, por Malvina, Lena e Gabriel, fruto da relação extraconjugal de Arlinda e Chico, mas criado como filho por Aragão. Aragão mata Chico com um tiro ao flagrá-lo em sua cama com Arlinda, que concebe Gabriel no último minuto de vida do amante. Para castigá-la, o senhor de engenho a prende no sótão do casarão e decide soltá-la no dia do nascimento da criança. Pouco tempo depois, Aragão leva Zefa e sua filha ainda bebê, Lena, para ajudar Arlinda a cuidar da casa e amamentar o menino. Lena e Gabriel são criados juntos, apaixonam-se aos 18 anos e são separados ao descobrirem que são “irmãos”. O jovem não sabe que seu pai biológico é Chico, porque Aragão proibiu a mulher, Arlinda, de falar para quem quer que fosse que aquele filho não era dele. Ele cresce sem desconfiar de nada. Desde pequeno, Gabriel tem curiosidade pela morte e adora ir ao cemitério para ouvir as histórias de Zé Coveiro, seu melhor amigo. O jovem gosta de assustar Lena vestindo-se de fantasma. Preocupada com a amizade entre Lena e Gabriel, e percebendo que os dois estão cada vez mais próximos, Zefa pede à jovem que se afaste do filho do patrão. Inconformado com o comportamento de Lena, que não hesita em obedecer à mãe, Gabriel sai com os amigos para beber e acaba encontrando o pai no bordel de Dora. Os dois discutem e Aragão manda o filho morar no engenho.

As tentativas de afastar os dois jovens, no entanto, são em vão. A pedido de Aragão, Lena vai atrás de Gabriel para trazê-lo para casa. A moça o encontra em cima de uma ponte e, na tentativa de fazê-lo descer, se desequilibra e cai no rio. Gabriel pula atrás dela, a salva e os dois se beijam pela primeira vez. Ao retornarem para casa, Gabriel pede a mão de Lena em casamento. Atônita, Zefa, no entanto, revela que os dois são irmãos. Apesar de saber que Gabriel não é seu filho legítimo, Aragão confirma que os dois são irmãos ao confessar que é pai de Lena. Desolado, Gabriel desaparece e perambula com os amigos pelo bar de Cândida e Manoel. Enquanto isso, Lena não perdoa a mãe por ter guardado o segredo. “Passei a vida todinha achando que meu pai tinha fugido e a senhora aqui limpando as botas dele”, reclama. Arlinda também sofre com o sumiço de Gabriel e fica doente. Com a mulher mal de saúde, Aragão manda Lena buscar o “irmão”. Após ver o estado da mãe, Gabriel fica surpreso ao saber que o pai está decadente e não tem como arcar com os custos médicos de Arlinda. Juntos, eles recorrem ao agiota da cidade, Isaac, que leva a filha, Malvina, para a negociação com os dois. Diante das poucas garantias para quitação do empréstimo e percebendo a afeição imediata de Malvina por Gabriel, Aragão propõe a Isaac que seus filhos se casem. A ideia é aceita pelo comerciante. Gabriel, no entanto, só concorda com aquele casamento para garantir o tratamento da mãe. Ao descobrir que o filho vai se casar contra a vontade, Arlinda perde o medo do marido e conta a Gabriel que ele não é filho biológico de Aragão. Portanto, não há nada que impeça seu casamento com Lena. Após a revelação, o poeta deixa Malvina na porta da igreja e vai atrás de sua amada. Com um histórico de desamor, Malvina não aguenta ser abandonada no altar e se joga de uma ponte.

No dia seguinte, ao saber da morte da moça, Gabriel se desespera. Sentindo-se culpado, vai ao cemitério e abre o túmulo da ex-noiva. Para a surpresa dele e de Zé Coveiro, Malvina volta à vida e traz com ela todos os mortos da cidade. Sem entender como Malvina voltou a viver, mas disposto a corrigir seu erro, Gabriel conta que ela está morta. Indignada, Malvina procura pelo pai e se surpreende ao vê-lo acompanhado de uma mulher que diz ser sua mãe. Durante seus 18 anos, a moça acreditou que a mãe havia morrido no parto e até tentou se suicidar por isso, mas a verdade é que ela foi vendida ainda bebê para o comerciante Isaac. Revoltada, Malvina mata os dois a facadas. Enquanto isso, Chico aparece para Arlinda e pede para ela denunciar o assassinato cometido por Aragão. Guiada por seu antigo amor, Arlinda faz a denúncia, e o senhor de engenho é preso. Chico passa a assombrar seu algoz todas as noites na cadeia, deixando-o desorientado.  Malvina tenta matar Gabriel, mas é impedida por Zé Coveiro. Os dois enterram a morta-viva e acreditam que tudo voltará ao normal. Mas a noiva-cadáver escapa da cova, mata Zé Coveiro e sequestra Lena. Gabriel se desespera e vai atrás das duas. Enquanto isso, Gabriel decide atender ao pedido de Malvina: morrer para salvar Lena. Mas Lena não aceita. Ao notar que nunca terá o amor de Gabriel, Malvina se joga da ponte mais uma vez. Com tudo de volta ao normal, Lena e Gabriel se casam e trocam juras de amor. Ao mesmo tempo, Arlinda percebe que Aragão está enlouquecendo por causa das assombrações de Chico. Insatisfeita com a atitude do amante, ela retira a queixa contra o marido.

De volta ao casarão, Aragão recebe cuidados médicos em função de seus “delírios”. Contrariando o pedido da amada para se manter afastado, Chico invade o quarto para matar o rival. O tiro, no entanto, acaba acertando em Arlinda, que morre ao defender o marido. Manoel é o dono do bar próximo ao bordel de Dora e à igreja, comandada pelo recém-chegado padre Joaquim. Manoel é casado com Cândida, a maior fofoqueira da cidade e ex-mulher de seu irmão, o falecido Jeremias. No estabelecimento, os dois tem uma visão privilegiada de tudo o que acontece aos arredores. No dia em que os mortos voltam ao mundo dos vivos, Jeremias aparece no bar disposto a resgatar três coisas: a mulher; o bar, que também foi herdado pelo irmão; e a antiga peruca, que hoje adorna a cabeça de Manoel. Seu retorno deixa Cândida balançada, mas ela consegue persuadir os dois a fazerem as pazes e a aceitarem que ela se divida em “duas”. Antes que isso aconteça, Jeremias é convocado a voltar ao cemitério. Com uma personalidade firme e rude, Dora também possui uma sensualidade que mexe com os homens de Recife. Ela orienta suas funcionárias a não se envolverem com os clientes, mas não consegue seguir o próprio conselho. Apaixonada por Chico, Dora conta para Aragão, frequentador assíduo do bordel, que Arlinda o traía com o galanteador. Ao retornar ao mundo dos vivos, Chico cobra explicações da cafetina. Dora revela seu amor por ele e jura que não esperava que o amado fosse ser morto pelo senhor de engenho. Sem ter o perdão de Chico, Dora se suicida cortando os pulsos.

●• ELENCO •●
  • Adélio Lima - Tião
  • Aramis Trindade - Manuel
  • Arianne Botelho - Lena
  • César Cardadeiro - Júlio
  • Daniel de Oliveira - Chico
  • Fabiana Gugli - Esmeralda
  • Felipe Koury - Dr. Sérgio
  • Gheuza Sena - Zefa
  • Gillray Coutinho - Padre Lauro
  • Gustavo Falcão - Padre Joaquim
  • Guta Stresser - Cândida
  • Ísio Ghelman - Isaac
  • Jackson Antunes - Aragão
  • Johnny Massaro - Gabriel
  • Letícia Sabatella - Arlinda
  • Lívia Falcão - Maria
  • Maria Luísa Mendonça - Dora
  • Marina Ruy Barbosa - Malvina Benazo Camargo
  • Paulo de Pontes - Delegado Pereira 
  • Paulo Hamilton - Fernando

●• AS CRIANÇAS •●
  • Giovanna Estefano - Lena (criança) 
  • Pedro Sol Baêta - Gabriel (criança)

●• ATORES ESPECIALMENTE CONVIDADOS •●
  • Bruno Garcia - Jeremias 
  • Tonico Pereira - Zé Coveiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário